Journal article Open Access

EXIGÊNCIAS FÍSICAS E FISIOLÓGICAS NO FISICULTURISMO E AS SUAS IMPLICAÇÕES NA RECUPERAÇÃO

NASCIMENTO, Marcelo Victor Rodrigues

Este trabalho teve por objetivo fazer uma revisão literária acerca da fisiologia envolvida na prática do fisiculturismo, bem como das suas implicações na recuperação orgânica. Para tanto, foi apresentada a fundamentação científica de tal desporto, caracterizando-se os tipos de esforços que são realizados no treino força (a base do fisiculturismo), as exigências físicas e fisiológicas de tais esforços, o sistema de produção de energia preponderantes e a forma como é desenvolvida a recuperação da fadiga por eles provocadas. Após a introdução, foram apresentadas (1) a estrutura músculo-esquelética do corpo humano, que constitui a base para todo e qualquer exercício físico; (2) o treinamento de força e os esforços realizados; (3) as principais adaptações fisiológicas do treino de força, quais sejam: adaptações neurais, adaptações morfológicas, adaptações cardiovasculares e adaptações metabólicas. Finalizando, tratou-se da recuperação física e fisiológica no fisiculturismo. O tema reveste-se de importância, uma vez que o fisiculturismo vem crescendo em popularidade, tendo sido, recentemente, reconhecido como um desporto olímpico, disputado nos jogos pan-americanos de 2019.

Files (768.3 kB)
Name Size
Art00055.pdf
md5:f6644f97a19a9c54c887c14d87c31bf3
768.3 kB Download
30
15
views
downloads
All versions This version
Views 3030
Downloads 1515
Data volume 11.5 MB11.5 MB
Unique views 2323
Unique downloads 1515

Share

Cite as