Journal article Open Access

SER UNIVERSITÁRIO EM ANGOLA: ENSAIO CRÍTICO-CRIATIVO SOBRE A ATUAÇÃO DOS ACTORES DAS IES EM ANGOLA

CHOCOLATE ADÃO BRÁS

Este ensaio enquadrou-se no painel “Formação de Competências nas áreas das Ciências da Humanas, Educação e Artes” apresentando uma reflexão crítica e criativa da actuação dos universitários de Angola envolvendo os três grupos de actores das suas Instituições de Ensino Superior (IES), nomeadamente gestores, docentes e estudantes. Partindo de uma observação sistemática do autor considerando os seus anos de vivência e convivência universitária, considera que actualmente se vive uma cultura de fingimento estrutural. Para sustentar a sua tese, apresenta provocações epistemológicas buscando ter um efeito despertador a actual realidade do meio académico de Angola, questionando as condições das IES, a acção dos diferentes actores, apelando à mudança de paradigmas de acção e ao necessário envolvimento dos universitários na solução de problemas das localidades a que pertencem, cumprindo assim como a sua responsabilidade social. Considerando a sua finalidade e características, este ensaio circunscreveu-se no campo das pesquisas qualitativa-descritivas, com recurso à pesquisa bibliográfica. À guisa de conclusão, apresentam-se algumas saídas para a actuação dos docentes, estudantes e da própria universidade, tornando-a activa e proactiva tendo em conta o desafio da adopção de uma cultura de rigor e de promoção da competência benéfica no quadro da promoção do bem-estar e do desenvolvimento socioeconómico de Angola.

Files (1.3 MB)
Name Size
Artigo 4 Cbrás.pdf
md5:06a3fa71a5b1b95ad3a416a67ba07743
1.3 MB Download
49
63
views
downloads
All versions This version
Views 4949
Downloads 6363
Data volume 79.4 MB79.4 MB
Unique views 4646
Unique downloads 5353

Share

Cite as