Project deliverable Open Access

Browse, preserved tree fodder and nutrition - Pastoreio da forragem arbórea, sua conservação e nutrição

Lindsay Whistance

Tradução de folha informativa do projeto AFINET - No geral, o pastoreio da forragem arbórea fresca (i.e., o acesso a folhas frescas e pequenos ramos) ou conservada é nutricionalmente equivalente ou superior ao pastoreio em pastagem (i.e., herbáceas). As árvores são uma boa fonte de micronutrientes, sobretudo de minerais e de vitaminas. Quando o gado tem acesso a forragem arbórea opta, preferencialmente, por este tipo de alimentação. A pastorícia pode representar cerca de 12 a 55 % da alimentação de gado bovino, 20 a 76% da alimentação do ovino e 60 a 93 % da alimentação do caprino. Os caprinos têm tolerância a elevadas quantidade de forragem arbórea pois a sua saliva é capaz de se ligar aos taninos e o seu fígado é capaz de processá-los eficazmente. Embora o gado bovino esteja bem-adaptado a uma dieta de pastagem, a sua digestão também tolera forragem arbórea. Os bovinos conseguem alimentar-se até uma altura de 2 m e os ovinos até 1,2 m. Os caprinos, pela sua agilidade, não estão limitados na altura que conseguem alcançar.

Files (2.4 MB)
Name Size
var_www_drupal_7.59_euraf_files_pub_kc_uploads_20190527_factsheet_12_pt_print.pdf
md5:d3b2620af54a5cb7984aaa03b8bfcbfb
2.4 MB Download
16
44
views
downloads
All versions This version
Views 1616
Downloads 4444
Data volume 104.1 MB104.1 MB
Unique views 1515
Unique downloads 3535

Share

Cite as