Book Open Access

Água, Terra e Gente Kotiria e Kubeo: Primeiros Passos para um Plano de Gestão Territorial e Ambiental do Alto Uaupés

ASEKK, Associação da Escola Kotiria Khʉmʉno Wʉ'ʉ; UNIARWA, União das Nações Indígenas do Alto Rio Waupés

Editor(s)
Chacon, Thiago Costa; Rocha, Pedro; Richwin, Igor Ferreira; Pedroso, Diego Rosa; Veiga, João Pimenta

Neste livro apresentamos os resultados do trabalho de pesquisa demográfica, ambiental, antropológica, linguística e cartográfica, realizado por pesquisadores Kotiria (Wanano) e Kubeo entre 2014 e 2015. Executado com recursos do Projeto Demonstrativo dos Povos Indígenas (PDPI), o projeto foi proposto pela Associação da Escola Khumuno Wʉ’ʉ Kotiria (ASEKK) e pela União das Nações Indígenas do Alto Rio Waupés (UNIARWA), e contou, ainda, com o apoio da Federação das Organizações Indígenas do Rio Negro (FOIRN) e do Instituto Socioambiental (ISA).

Os povos Kotiria e Kubeo habitam a Terra Indígena (TI) Alto Rio Negro, no Noroeste do estado do Amazonas. Seu território é o alto curso do Rio Uaupés, um dos principais afluentes do rio Negro, na faixa de fronteira entre Brasil e Colômbia. Do lado brasileiro, se distribuem em 12 comunidades, sendo 10 Kotiria e 2 Kubeo, totalizando 606 pessoas. Há muitas comunidades Kubeo e Kotiria na Colômbia, mas nosso levantamento abrange apenas as comunidades em solo brasileiro. 

O trabalho foi realizado em 10 meses, ao longo dos quais foram realizadas reuniões de “sensibilização”, oficinas de etnomapeamento e “diagnóstico participativo”, além da capacitação dos pesquisadores das comunidades para a realização das tarefas de pesquisa, como a elaboração de “semanários de campo”, aplicação de questionários, gravação de narrativas e mapeamento do GPS. 

A publicação está dividida em seis partes, e contém, além do texto, fotografias, imagens, gráficos e mapas. Na primeira e na segunda parte condensamos as discussões realizadas nas oficinas de etnomapeamento e diagnóstico participativo. Nelas aparecem as concepções Kotiria e Kubeo de pessoa, ambiente, território, tempo e vida, além da história das comunidades e o mapeamento de lugares “sagrados”. Na terceira parte, apresentamos a sistematização dos dados produzidos pelos pesquisadores: perfil demográfico, infraestrutura, saúde, educação, atividades produtivas, renda, casamentos, mobilidade, situação sociolinguística e cultura tradicional. Na quarta parte estão nossas considerações finais, bem como algumas sugestões de ação. A quinta e a sexta parte consistem de traduções do PGTA em língua Kotiria e Kubeo.  

Nosso principal objetivo, com este projeto, foi a produção de um documento que pudesse auxiliar os Kotiria e os Kubeo a planejar coletivamente seu futuro no território, e que servisse como meio de comunicação entre estes povos e o Estado. Secundariamente, nos guiamos também pelo desejo de produzir um material que pudesse ser utilizado também nas escolas Kotiria e Kubeo, e por pesquisadores indígenas e não-indígenas. Por fim, acreditamos que nosso trabalho também pode fornecer subsídios para a elaboração de um Plano de Gestão Ambiental e Territorial (PGTA) da TI Alto Rio Negro como um todo. 

Para acessar a publicação completa, clique no link abaixo

Files (36.7 MB)
Name Size
LivroAguaTerraGente_KotiriaKubeo.pdf
md5:85f15479557e33905a1fd22f20fc2bdd
36.7 MB Download
351
373
views
downloads
All versions This version
Views 35139
Downloads 37339
Data volume 15.9 GB1.4 GB
Unique views 29033
Unique downloads 25933

Share

Cite as